15 abril 2017

Um Gole De Ansiedade

(Freepik)

A água para o café está fervendo, e eu aqui procurando um refúgio, uma forma de expelir essa ansiedade que me ocupa.
Ansiedade de que? Eu me pergunto, mas não sei. Juro que não sei, essa sensação e essa vontade de engolir meu coração. Eu tento respirar fundo, ouvir músicas calmas, tomar bebidas quentes, sentir um ar fresco, mas a mente não para, e as borboletas do estômago continuam a voar, as vezes batem as asas com tamanha força que chegam a doer. Eu só gostaria de saber parar.
Saber relaxar, não pensar no que devo fazer daqui a pouco, amanhã, mês que vem e nos próximos 10 anos. Saber viver o agora de maneira intensa, sem me culpar por isso. Mas a vida não me ensinou essa maneira de viver, ninguém me ensinou.
Me ensinaram a sorrir quando eu estivesse triste, a não desabafar com quem de uma hora para outra irá embora, a esperar mais das pessoas do que eu mesma ofereço.
E em momentos assim, de tamanha perturbação, a única coisa que me acalma é cheiro do café, que eu acabei de passar.

2 comentários:

  1. esse texto tá maravilhoso. ele diz tanto sobre mim, que parece que fui eu que escrevi! sério.

    ResponderExcluir
  2. Tô aqui tomando o meu que acabei de passar... Que delicia de texto, Laís!!
    Adoro você e o cubo de açúcar <3
    Never give up.

    http://www.garotasdejaneiro.com.br/

    ResponderExcluir

@laislumes

Quote

Quote

Playlist